Agroecologia é tema de oficina do Procase para famílias agricultoras de Barra de Santana

Famílias agricultoras do município de Barra de Santana, Cariri Oriental paraibano, participaram de uma oficina sobre as práticas produtivas em quintais produtivos na comunidade Mororó, zona rural daquela municipalidade.

A oficina aconteceu na última quarta-feira, 30 de junho, numa ação continuada do Procase, do Governo do Estado, em parceria com entidades locais e objetivou fortalecer as ações de um coletivo de famílias que produzem e vendem seus produtos numa feira agroecológica que já acontece semanalmente naquele Distrito. “A gente, através desse projeto, apoiamos 15 famílias coordenadas por 13 mulheres produtoras que têm nos quintais produtivos uma fonte de renda e também o Procase apoiou com a colocação de equipamentos pra feira lá de Mororó que é a feira agroecológica de lá, inclusive que é a única do município e, essa feira, mesmo com todas as dificuldades em função da pandemia está ainda comercializando o produzido e o Procase no convênio apoiou com a colocação de equipamentos para fortalecer a comercialização e também a produção nos quintais”, explica o assessor técnico do Procase junto a ação, agrônomo Miguel David.

Em contato com Stúdio Rural, David explicou que há cerca de dois meses as agricultoras perceberam a presença de pragas e doenças nas culturas hortícolas, fazendo com que a assessoria buscasse fortalecer os conhecimentos e as práticas tecnológicas para o processo de produção com a agroecologia. “A ideia era evitar que elas tivessem mais prejuízos, que essa questão patológica se agravasse mais e pudesse comprometer a produção”, explica David justificando ser consenso nos encontros e contatos que as doenças nas culturas, somadas a realidade da coronavírus, estava passando a ser uma ameaça da ação produtiva para a segurança alimentar das famílias e ao processo de oferta de alimentos agrícolas para a comunidade via feira agroecológica.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural /

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top