ASA lança programa que discute produção de alimentos no Semi-Árido

A Articulação no Semi-Árido Brasileiro(ASA) lança na próxima terçafeira(17), o Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2). O evento de lançamento acontecerá na comunidade Lajedo de Timbaúba, no município de Soledade, a aproximadamente 71 km de Campina Grande (PB), tendo início às 09 horas.

O foco do programa, segundo a assessoria da entidade, é a promoção da segurança alimentar e geração de renda dos agricultores e agricultoras familiares, a partir do acesso e manejo sustentáveis da terra e da água para a produção de alimentos.

Em contato com Stúdio Rural, a assessoria da ASA informou que as atividades desta primeira etapa do P1+2, chamada projeto demonstrativo, serão desenvolvidas em 60 municípios de 10 estados (AL, BA, CE, MA, MG, PB, PE, PI, RN, SE), através da sistematização, intercâmbio e implementações de 144 experiências de captação da água para produção agrícola familiar e que essas experiências são baseadas em quatro tecnologias: tanque de pedra, barragem subterrânea, cisterna calçadão e barreiro trincheira, que beneficiarão 818 famílias. Já as atividades de formação irão atender 3.074 famílias.

Na opinião dos organizadores cerca de 100 pessoas entre agricultores/as, representantes do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), Petrobras, Fundação Banco do Brasil, Prefeitura Municipal, parceiros e técnicos da ASA devem participar do evento e conhecer as barragens subterrâneas de três famílias agricultoras e também experiências comunitárias, como o trabalho do grupo de mulheres de Lajedo de Timbaúba – no beneficiamento de frutas e vegetação nativa, e o Banco de Sementes Comunitário – onde são armazenadas sementes crioulas que garantem ao agricultor autonomia produtiva e segurança alimentar. “Uma Feira de Saberes e Sabores será instalada no local, onde agricultores de outras regiões do Semi-Árido terão oportunidade de falar sobre suas experiências, e comercializar sua produção agroecológica”, acrescenta.

O Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2) é desenvolvido pela ASA em parceria com a Petrobras e Fundação Banco do Brasil, com apoio da Rede de Tecnologia Social (RTS).

Fonte : Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top