Crise no abastecimento faz vereador perfurar poço e distribuir água pra população em Queimadas

Diante da maior seca registrada nos últimos 40 anos em toda a região semiárida, o que tem provocando limitação na oferta hídrica para o ser humano e para a manutenção dos animais na pecuária, fez com que, no município de Queimadas, o vereador Jossênio de Sousa Barbosa(foto) disponibilizasse uma área em sua propriedade para a perfuração e implementação de um poço e colocasse a água para que as famílias de diversas comunidades usem o produto para o gasto da família e para saciar a sede dos animais.

Residente na comunidade Boa Vista, 14 quilômetros da cidade, o vereador(foto) resolveu ratear os custos com o deputado Doda de Tião e colocar a perfuratriz para a execução do trabalho e, ao final, teve como resultado uma ampla quantidade e retirada diária de cerca de 60 mil litros de água de boa qualidade que passou a ser usada por diversas famílias em comunidades rurais adjacentes. “Devido o riacho ser um ambiente que mantinha água a gente resolveu cavar esse poço, então junto com Doda de Tião perfuramos o poço, fizemos a instalação e deu certo, pois deu uma vazão de 6 a 7 mil litros de água por hora e que a gente atende hoje a cerca de 10 a 11 comunidades com água do poço”, explica ao dialogar com os ouvintes do Programa Universo Rural da última quarta-feira(19/03), acrescentando que o lençol não baixou e continua com a mesma vazão.

Ele garante que o empreendimento veio somar na oferta de água do sistema público que não tem atendido dentro da realidade necessária e que a distribuição é feita sem nenhuma forma de restrição política e nem pessoal. “O critério de distribuição é só ter água na cisterna pra todo mundo levar, é aberto pra todo mundo porque acho que a água deve ser liberada pra todos já que o povo precisa e esse é um bem pra todos”, explica dizendo que ele mesmo tem um carro pipa que abastece diversas famílias nas comunidades. “Eu ajudo na distribuição, eu tenho também um caminhão próprio e ajudo na distribuição da água”.

Jossênio expressou sua indignação pela lentidão do poder público no processo de execução de políticas públicas sustentáveis que possam contribuir com o desenvolvimento sustentável da comunidade e expões os custos da execução da obra que poderia, exemplarmente, ser desenvolvida pelos poderes públicos municipal, estadual e federal. “A perfuração deve ter ficado em média de R$ 6 mil reais que o poder público deveria investir muito nisso, o poder deveria ver muito essa questão de poço para a zona rural, principalmente para a zona rural que sofre por água e que passa por muitas dificuldades para o uso dos animais e para o consumo humano de um modo geral”, explica acrescentando que no projeto da perfuração foi instalado uma bomba submersa e foi feito um sistema de ligação entre o poço para uma cisterna que, com capital próprio, foi feita na beira da estrada para facilitar o acesso de todas as famílias que careçam do produto.

O vereador explicou que após discutir a temática com as comunidades adjacentes, se juntou ao deputado Doda de Tião, elaboraram um projeto e, logo, passaram a colocar na prática, de forma que a população tem demonstrado satisfação em ter o produto bem mais acessível, de forma mais próxima e disponível da residência. “A gente pode dizer que ela(água), segundo 80% do povo que consome, que usa ela pra lavar, para o gado e de um modo em geral, quem consome ela acha igual a de Boqueirão ou até melhor”, comemora dizendo que fica a lição para o poder público seguir o exemplo e pulverizar a experiência por todos os recantos do município. “Com certeza todo mundo precisa, eu incentivo ao poder público para que construa poço, construa poço para melhorar a quantidade de água para o povo que hoje está passando por dificuldade”.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top