Extensão paraibana realiza diversos dias de campo em municípios do Compartimento da Borborema

Atendendo uma agenda posta dentro da Chamada Pública de financiamento do Ministério do Desenvolvimento Agrário(MDA), a Emater regional Campina Grande vem realizando diversos dias de campo na perspectiva de compartilhar tecnologias e conhecimentos que proporcionem um processo de convivência sustentável no semiárido.

Segundo o assessor da regional Campina Grande, José Sales Alves Wanderley Júnior, a atividade referente ao projeto do MDA engloba 21 municípios do Compartimento, envolve 3.780 famílias que estão participando de 35 dias de campo durante os meses de novembro e dezembro com atividades que tem como tema a valorização dos conhecimentos e saber local com ênfase nas diversas realidades da agricultura familiar. “É uma preocupação nossa fazer o dia de campo a partir de cada realidade e potencial local a exemplo do dia de campo que realizamos em Lagoa Seca em que fizemos um dia de campo muito rico com a produção de frutas, verduras, produção agroecológica, a experiência de comercialização, a criação animal e o manejo da fertilidade do solo através da compostagem. Então foi um dia de campo extremante rico onde os agricultores e agricultoras fizeram uma caminhada numa metodologia bem simples de perceber as experiências e de discutir as experiências”, explica Sales ao dialogar com a equipe Stúdio Rural.

Aquele assessor falou sobre um outro dia de campo acontecido na Comunidade Catolé de Boa Vista, em Campina Grande, onde foram visualizadas experiências de manejo e armazenamento de água na propriedade utilizando estratégias de convivência com o semiárido como barragem subterrânea, cisterna de placas, barreiros, poços e pequenos e médios açudes.

Outra temática discutida foi a produção e o armazenamento de forragens nativas e exóticas onde o Instituto Nacional do Semiárido (INSA) participou expondo tecnologias sociais de convivência com a seca, dando ênfase no manejo da propriedade e armazenamento de forragem para os animais.

Em todos os dias de campo, segundo Sales, estão sendo socializadas as políticas públicas e programas para agricultura familiar como Assistência Técnica e Extensão Rural, DAP, Garantia Safra a as linhas de crédito rural, Programa Nacional de Alimentação Escolar(PNAE), Programa de Aquisição de Alimentos, Programa de ração animal trabalhados na Paraíba, CMDRS, Territórios Rurais, Programa do Leite além de distribuição de mudas de essências florestais e frutíferas e raquetes de palma resistente a cochonilha do carmim.

Entrevistado pela equipe Stúdio Rural, o extensionista da regional, Tarcísio da Costa Ramos, falou sobre o trabalho que a Emater vem fazendo junto ás famílias agricultoras dentro de uma preocupação no processo de produção agroecológica, especialmente por ser uma agricultura que produz para atender importantes programas governamentais que destinam os alimentos para programas sociais como o PAA e o PNAE. “O grande objetivo é levar ao conhecimento da população, principalmente dos consumidores, um trabalho focado na agroecologia, ou seja, especificamente um trabalho com a agricultura orgânica, conscientizar, ou melhor dizendo, sensibilizar os agricultores no trabalho alternativo sem uso dos agrotóxicos, porque infelizmente o nosso país hoje é detentor de maior uso de veneno do mundo. Então isso é preocupante e não é a toa que nós somos um país com elevado índice de câncer nas pessoas e tem muito a ver o uso do agrotóxico na agricultura que ainda se faz na Paraíba e no país como um todo”, explica aquele extensionista ao dizer que um amplo trabalho de assessoria foi feito junto às famílias agricultoras e que os dias de campo já representam apresentação de resultados das formas sustentáveis de produção no meio rural.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top