OCB/Sescoop-PB oferece formação para mais 35 jovens cooperativistas paraibanos

SR250418aO Sistema OCB/Sescoop-PB está em pleno processo de formação de Auxiliar Administrativo através de mais uma turma de jovens cooperativistas selecionados por cooperativas do estado da Paraíba.

Entrevistado no Programa Domingo Rural e Programa Esperança no Campo do último final de semana, o superintendente do Sistema, Pedro José D’Albuquerque Almeida, falou sobre a formação ofertada para o fortalecimento do cooperativismo paraibano e garante que as ações vêm sendo intensificadas para interiorizar práticas e ações fortalecedoras do sentimento prático solidário e cada vez mais humanizados.

Ao contatar com Stúdio Rural, a assessoria daquele órgão explicou que os jovens foram selecionados pelas cooperativas Unimed JP, Comseder e Central Sicredi Norte/Nordeste e que estão na participação do curso cuja carga horária total é de 1000 horas/aula (teóricas e práticas) com duração de um ano. “Desenvolvido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Paraíba (Sescoop/PB), o programa Aprendiz Cooperativo proporciona às cooperativas condições de se adequarem à Lei 10.097/00 e ao Decreto 5.598/05, que estabelecem cota obrigatória de contratação de aprendizes para empresas que se enquadram nos critérios de médio e grande porte”, explica aquela assessoria.

A abertura das aulas aconteceu no dia 05 de fevereiro último, no auditório do Sistema OCB/Sescoop-PB, contou também com a presença da gerente de Desenvolvimento de Cooperativas, Ana Margarida Formiga, e das estagiárias Rayssa Medeiros e Izabela Gomes que apresentaram aos aprendizes as diretrizes e o termo conduta do Programa. “Os aprendizes também receberam o kit personalizado do Programa, que inclui materiais como mochila, livro do módulo, caderno, camisas, além de um estojo com lápis e régua”, explica.

Conforme aquela assessoria o Programa Aprendiz Cooperativo foi implantado na Paraíba no ano de 2014, já formou 98 jovens aprendizes no Curso de Auxiliar Administrativo e que grande parte dos ex-alunos foi contratada pelas cooperativas parceiras do Programa e por outras empresas da capital paraibana. “Principalmente ao seu público de seu belíssimo programa que chega junto aos produtores do campo, ao produtor rural, então a gente queria deixar um recado que a gente tem escutado muito de que tem melhorado muito o clima, então isso dar um entusiasmo muito grande e uma perspectiva maior para que essas cooperativas e produtores rurais, principalmente, possam resgatar aquilo que ele perdeu ao longo desses vários anos de seca, através da união entre eles pedir que eles tenham confiança entre eles quando se trata de cooperativa porque trabalhar em cooperativa não é fácil, mas é possível sim desde que haja confiança, transparência, honestidade e todos esses valores que a gente prega no dia a dia do cooperativismo”, dialoga Pedro ao finalizar sua entrevista com mensagens direcionadas ao nosso público ouvinte.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top