Parlamentar denuncia violência e falta d’água em Massaranbuda

O deputado estadual Frei Anastácio (PT-PB) denunciou, no plenário da Asssembleia Legislativa, que a população do município de Massaranduba está assustada com a violência que assola o município e região evidenciando a movimentação em praça pública e a sessão que discutiu o problema no último dia 19 com participação de mais de mil pessoas.

A informação é da assessoria do parlamentar justificando que, segundo Anastácio, muita gente está se mudando da zona rural, temendo a ação dos bandidos e como se não bastasse a violência, a população ainda enfrenta a falta de água no município. “Frei Anastácio relatou que a caminhada contou com a presença de muitos alunos da rede pública, além de pais e mães, religiosos, o prefeito da cidade e vereadores”, explica aquela assessoria explicando que parlamentar evidenciou o papel do Padre Erinaldo e das entidades locais que pautaram os dois principais problemas: segurança e falta d’água.

Aquela assessoria explicou quesegundo o parlamentar, existem relatos de trabalhadores dizendo que quando vendem um boi ou um bode, pedem para o comprador não dizer a ninguém, para não serem alvos de bandidos”, explica dizendo que Anastácio discursou como sendo um verdadeiro absurdo que em pleno século XXI a sociedade se depare com relativa situação além do problema da falta d’água num município que conta com um reservatório com capacidade de cerca de dois milhões de metros cúbicos com 95% de sua capacidade. “O petista relata que nos governos Cássio e Maranhão foi construída uma adutora que tinha previsão de ser concluída no governo atual, mas que por causa de 160 metros de obra, a água não chega nas casas das pessoas”.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top