Programa destinado ao fortalecimento da mandioca tem lançamento no Sertão pernambucano

O secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Ranilson Ramos, e o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Júlio Zoé de Brito, lançaram oficialmente nesta quinta-feira (26/01), em Araripina, Sertão do Araripe, o Programa Terra Pronta Especial 2012 da Mandioca.

Segundo informações da assessora de comunicação daquela secretaria, Jaqueline Mac AR-SA mso-bidi-language: PT-BR; mso-ansi-language: EN-US; mso-fareast-language: Roman?; New ?Times mso-bidi-font-family: Calibri; mso-fareast-font-family: 11pt; FONT-SIZE: ?Calibri?,?sans-serif?; FONT-FAMILY: 115%;>êdo, serão investidos R$ 1,6 milhão no projeto que prevê, ainda, o plantio de 5 mil hectares, beneficiando 1,7 mil famílias com uma produtividade média esperada de 15 toneladas/ha. “No Agreste, onde foi lançado no ano passado, o programa gerou um crescimento de 16,8% na área cultivada, que passou de 66,3 ha, em 2010, para 77,5 ha, em 2011”, explica aquela assessora ao dialogar com Stúdio Rural.

Também foi lançado o processo de distribuição de sementes para o Sertão do Araripe onde no biênio serão arados 100 mil hectares e distribuídas 4 mil toneladas de sementes em todo o Estado com investimento total orçado em R$ 22,8 milhões e número de famílias beneficiadas de 100 mil, na aração de solo, e 120 mil, na distribuição de sementes de milho e feijão.

Mac AR-SA mso-bidi-language: PT-BR; mso-ansi-language: EN-US; mso-fareast-language: Roman?; New ?Times mso-bidi-font-family: Calibri; mso-fareast-font-family: 11pt; FONT-SIZE: ?Calibri?,?sans-serif?; FONT-FAMILY: 115%;>êdo informou que o presidente do IPA, Júlio Zoé de Brito disse que, além de garantir a segurança alimentar dos pequenos agricultores do Sertão a Zona da Mata, o programa é uma fonte geradora de emprego e renda, possibilitando a comercialização do excedente e que serão beneficiados diretamente os municípios ligados às gerências regionais de Araripina, Afogados, Arcoverde, Serra Talhada, Salgueiro, Garanhuns, Lajedo, Carpina, Caruaru, Palmares, Surubim e Petrolina.

Fonte : Stúdio Rural / Programa Universo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top