Reunião técnica discute ação sustentável de combate e controle da Mosca Negra

O conjunto das organizações da sociedade civil representada pela FETAG-PB, Pólo Sindical da Borborema, STR de Lagoa Seca, Lagoa de Roça, Alagoa Nova, Esperança, Remígio, Areia, Matinhas, Campina Grande e Massaranduba, CARDAME, Central Única dos Trabalhadores – CUT/PB, AS-PTA e Território da Cidadania da Borborema todas estarão presentes na 2ª Reunião Técnica Institucional, realizada nesta quarta-feira(17/03), no auditório da FETAG/PB, para tratar com o governo do estado, uma ação conjunta de combate e controle da Mosca Negra.

O argumento é do assessor técnico da Fetag, Federação dos Trabalhadores Rurais do Estado da Paraíba, Ivanildo Pereira Dantas, ao contatar com a equipe Stúdio Rural, justificando que o objetivo do encontro é discutir com os órgãos estaduais SEDAP, EMEPA e EMATER; dos órgãos federais: DFA/PB – Delegacia Federal da Agricultura e Pecuária da Paraíba, DFDA/MDA, UFPB e EMBRAPA/CNPA ações de controle e combate a Mosca Negra na citricultura Paraibana.

Já a assessora de comunicação da Fetag, Neudja Farias Henriques, comentou que o presidente da Fetag, Liberalino Ferreira de Lucena, enquanto representante dos agricultores e trabalhadores rurais, comprometeu-se em cobrar do Governo do Estado que respeite as alternativas por eles utilizadas para controlar e combater esta praga, argumentando não ser contra a utilização dos agrotóxicos, mas que já reconhece casos exitosos da aplicação de inseticidas naturais como o Nim ou Amargosa com este fim. “Entre as entidades da sociedade civil que participarão do encontro, estão a Fetag-PB, Sindicatos de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR’s) de Lagoa Seca, Lagoa de Roça, Alagoa Nova, Esperança, Remígio, Areia, Matinhas, Campina Grande e Massaranduba, Pólo Sindical da Borborema, Conselho das Associações Rurais e Desenvolvimento Agrário do Município de Esperança (Cardame), Assessoria e Serviços a Projetos em Agricultura Alternativa (AS-PTA), Território da Cidadania da Borborema, e a Central Única dos Trabalhadores (CUT-PB)”, complementa a jornalista daquela entidade.

Ivanildo Pereira Dantas informou que durante o evento será feito apresentação de alternativas agroecológicas para o controle e combate da Mosca Negra e, entregar aos representantes dos governos, documento base da sociedade civil organizada dentro do evento que consta de ampla programação.
8:00 Hs style=mso-spacerun: yes>  – Reunião dos representantes da sociedade civil organizada com a Direção da FETAG
10: 00 Hs – Apresentação e sistematização do documento base
12: 30 Hs – Almoço
13:30 Hs style=mso-spacerun: yes>  – Composição da Mesa, (FETAG/PB, AS-PTA, POLO-SINDICAL, CUT/PB, CARDAME, SEDAP, DFA/PB, EMEPA, EMATER, DFDA/MDA, EMBRAPA, PROCURADORIA DE CAMPINA GRANDE, DFDA/MDA, UFPB E EMBRAPA.
14: 30 Hs – Apresentação de boas práticas agrícolas – Ivanildo Pereira Dantas – FETAG/PB e Inacinho, agricultor experimentador do município de Alagoa nova/PB
15:30 Hs – Apresentação de alternativas testadas e monitoradas – style=mso-spacerun: yes>  Prof. Jacinto Luna, da UFPB – Campus Areia
16:00 Hs style=mso-spacerun: yes>  – Apresentação e entrega aos orgãos governamentais do documento base – João Macedo – AS-PTA
16:30 Hs – Apresentação do plano de Combate e Controle da Mosca Negra- Ruy Bezerra, Secretário da Agricultura –SEDAP
17:30 – Encerramento e encaminhamentos

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top