Sociedade civil, setor público e polícia militar discutem segurança no município de Boa Vista

Discutir formas de oferecer maior segurança à população foi o tema principal da reunião sobre segurança pública, realizada nesta terça-feira (23) entre o comando da 4ª Cia de PM, o prefeito, líderes e representantes de entidades de Boa Vista, Cariri Oriental paraibano.

Segundo o assessor de comunicação da prefeitura, Antonio Izidro, na reunião com comandante da 4ª Companhia Independente de Polícia Militar, sediada em Juazeirinho, Tenente Jonatha Midori Yassaki, foram traçadas as dificuldades encontradas no policiamento ostensivo na região e alternativas de atuação entre os órgãos municipais e a PM. “Estiveram presentes na reunião realizada na Prefeitura Municipal de Boa Vista, além do Ten. PM Yassaki e do prefeito Edvan Pereira Leite, representantes religiosos, o conselho tutelar, o secretário municipal de educação, o vice-prefeito, o presidente da câmara de vereadores e o assessor técnico da câmara e vereadores”, explica aquele assessor.

Izidro informou ter sido um momento de estratégias de trabalhos sintonizados e comentou que os participantes comentaram ter sido positivo e acreditam nos resultados práticos para garantir melhor segurança naquele município.

Ele disse que o Tenente Yassaki lembrou as dificuldades encontradas em atender 16 municípios com o baixo efetivo que dispõe e a distância entre as comarcas; que o pároco de Boa Vista, Padre João Paulo Victor, lembrou que um dos grandes problemas enfrentados pela comunidade é a perturbação com o uso indevido de sons automotivos e nos bares da cidade; que o prefeito revelou que a administração municipal tem dado todo apoio e suporte necessário; o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Carlos Antonio Macêdo, lembrou ser preciso mais confiança nos órgãos e entidades e que ao final o comandante da PM que atende o município Boa Vista confirmou que realizará a partir de então ações em conjunto com o Conselho Tutelar e as demais entidades de prevenção e realizará ações rotineiras no município para coibir ações delituosas.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top