SR011017b

Agricultores de Barra de Santa Rosa participam de Oficina sobre conservação de forragens promovida por Xique-xique e Insa

SR011017bAgricultores familiares e representações de entidades de Barra de Santa Rosa e região participaram de uma oficina sobre conservação de forragens, na cidade de Barra de Santa Rosa, Curimataú Paraibano, numa ação parceira entre a ONG local Agência Xique-Xique, Instituto Nacional do Semiárido(Insa) e Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Agricultores Familiares daquele município.

O evento aconteceu no dia 15 de setembro último, tendo como local as instalações da Usina de Beneficiamento de Leite Caprino daquela cidade, objetivando discutir a conservação de forragens por meio da fenação, envolvendo famílias agricultoras dos projetos de assentamentos rurais do município e lideranças da região e, conforme o componente do sindicato local dos rurais, Adriano Sousa Leite, participaram como facilitadores os pesquisadores do Insa Geovergue Medeiros, Carlos Trajano e Romildo Neves discutindo, na prática, com os agricultores a importância da produção e o estoque de forragens para a dinâmica de convivência com o semiárido.

Conforme a assessoria do Insa, o objeto em discussão e prática foram as gramíneas e vegetação espontâneos que cresceram na área da usina com as poucas chuvas que ocorreram naquela região, utilizando uma enfardadeira, construída em tábuas que é de fácil uso e baixo custo para a produção de feno em pequena escala numa dinâmica que sugere busca de alternativa de convivência com a realidade local.

Já para a coordenadora da Agência Xique-Xique, Ana Paula Martins Santos, destaque especial fica o grau de satisfação dos participantes que demonstraram contentamento para o processo de criatividade na busca de alternativas para o processo de convivência com a realidade semiárida de Barra de Santa Rosa e Região.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Faça um comentário

Todos os campos obrigatórios são marcados como (requerida). Seu Endereço de e-mail não será publicado

Voltar para o topo