SR150518c

Secretário de Agricultura de Remígio fala sobre início de plantio e safra agrícola 2018 do algodão agroecológico

SR150518cAgricultores e agricultoras familiares do município de Remígio, Curimataú paraibano, iniciaram o plantio do algodão safra 2018 na dinâmica de produção agroecológica diversificada com culturas alimentares para o ser humano e para os animais.

Entrevistado por Stúdio Rural, o secretário da Agricultura e Meio Ambiente daquele município, Antônio Junio da Silva, explica que o plantio foi iniciado nos primeiros dias de maio dentro de uma estratégia que faça com que o bicudo não encontre as condições favoráveis para se tornar praga incontrolável para a cultura. “Nós estamos num ano muito promissor de plantio do algodão agroecológico aqui no município de Remígio, os agricultores estão bastante animados com as chuvas que voltaram a cair em nossa região e nós estamos já com 36 hectares plantados de algodão agroecológico, então começamos nosso plantio no início de maio com o plantio lá no Assentamento Queimadas, na comunidade Gabinete, onde tradicionalmente já vínhamos plantando algodão agroecológico”, explica Junio justificando que, durante os seis anos recentes de seca, a produção e produtividade tiveram forte queda, mas garante que este ano as famílias vêm com todo o entusiasmo na retomada da inclusão da cultura na diversificação da agricultura. “Nos últimos anos houve um decréscimo na produção devido à seca, devido também por problema na comercialização, mas esse ano, graças a Deus, a gente está com uma boa perspectiva de produção de pelo menos três mil quilos de algodão em pluma”, comemora aquele secretario durante entrevista que será trabalhada no Programa Domingo Rural e Programa Esperança no Campo do próximo final de semana.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Faça um comentário

Todos os campos obrigatórios são marcados como (requerida). Seu Endereço de e-mail não será publicado

Voltar para o topo