Duas fazendas são declaradas de interesse social no Cariri Oriental e Curimataú da Paraíba

Dois imóveis rurais, situados no Cariri e Curimataú da Paraíba, foram declarados de interesse social para fins de reforma agrária, através de Decreto Presidencial publicado no Diário Oficial da União (DOU) da última sexta-feira 27.

A informação é do assessor de comunicação do  Incra, Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária na Paraíba, Jaimaci Martins, explicando que os imóveis estão incluídos nos decretos de desapropriação assinados pela presidenta Dilma Rousseff e publicados no DOU, que destinam mais 92 áreas para Reforma Agrária no país. “A fazenda Poço, no município de Barra de São Miguel, no Cariri paraibano, a 207 quilômetros da capital João Pessoa, tem pouco mais de 668 hectares, com capacidade para abrigar 15 famílias, depois que for transformada em projeto de Assentamento”, explica acrescentando que o imóvel rural Jacaré, em Remígio, a 157 quilômetros de João Pessoa, no Curimataú do estado, possui pouco mais de 821 hectares de terras e abrigará 20 famílias de trabalhadores rurais, quando for criado o assentamento.

Jaimaci explicou que com a publicação do decreto, o Incra fica autorizado a promover a desapropriação e dar andamento à criação de novos projetos de assentamento nas áreas, que somam mais 1,4 mil hectares de terras.

Ao dialogar com nossa equipe, Jaimaci explicou que para o superintendente regional do Incra no estado, Cleofas Caju, a autorização de desapropriação dos imóveis é importante para atender à demanda de trabalhadores rurais sem terra na região que, em breve, poderão produzir e gerar renda para suas famílias.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top