Entidades iniciam preparativos para 26ª Feira Nacional da Agricultura Irrigada de Petrolina

SR210116aJá começaram os preparativos para a 26ª edição da Feira Nacional da Agricultura Irrigada – Fenagri, que acontecerá no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, em Petrolina – PE, de 25 a 28 de maio próximo.

A informação é da assessora do evento, CLAS Comunicação & Marketing, explicando que o evento é considerado o maior do segmento em toda a América Latina, espaço de promoção de negócios, transferência de tecnologias e a divulgação, em todo o mundo, das potencialidades do Vale do São Francisco.

Ao dialogar com Stúdio Rural, CLAS informou que o evento é uma realizada da Prefeitura de Petrolina, Câmara de Fruticultura e Sindicato da Agricultura Familiar, com a comercialização da Nobless, vai ocupar uma área de 10 mil metros quadrados e espera receber um público estimado em 50 mil pessoas. “De acordo com o secretário municipal de Ciência e Tecnologia e coordenador do evento Newton Matsumoto(foto), devem participar da Fenagri 2016, produtores rurais, importadores, investidores nacionais e estrangeiros, instituições públicas e privadas, fabricantes, compradores e vendedores de máquinas, insumos, produtos e serviços”, explica News acrescentando que, conforme Matsumoto, a equipe está definindo a programação e, além da área onde serão montados os estandes no Pavilhão de Feiras, haverá ainda a realização de um seminário, encontro de negócios, mini cursos e uma vila da agricultura familiar.

CLAS acrescentou que a Fenagri é a maior vitrine de um agronegócio frutícola que responde hoje, segundo dados da Valexport, por 94% de toda manga e 98% de toda uva exportada no Brasil. “O Vale do São Francisco possui 120 mil hectares irrigados e um potencial para atingir  260 mil hectares nos próximos anos. São aproximadamente mais de um milhão de toneladas de frutas produzidas anualmente e um faturamento em torno de US$ 500 milhões”, relata CLAS Comunicação.

Aquela assessoria informou ainda que o segmento gera 250 mil empregos diretos e mais de 900 mil indiretos e que para se ter uma ideia, só o Distrito de Irrigação Nilo Coelho, em Petrolina, gera cerca de 60 mil empregos, destacando a região como segunda maior produtora de vinhos finos e espumantes do Brasil. “São produzidos anualmente 6 milhões de litros, o que significa 15% do mercado nacional”, finaliza.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Faça um comentário

Todos os campos obrigatórios são marcados como (requerida). Seu Endereço de e-mail não será publicado

Voltar para o topo