Diocese de Campina Grande promove seminário sobre Segurança Pública

A Diocese de Campina Grande promove de 5 a 7 deste mês um seminário sobre Segurança Pública, evento que acontece no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (FIEP), em Campina Grande que traz o tema “A Paz é Fruto da Justiça: O que fazer?” e faz parte das comemorações da Semana da Vida.

Segundo o assessor do evento, Rodrigo Apolinário, a abertura acontecerá às horas do dia 5, pelo bispo diocesano Dom Jaime Vieira Rocha que, na mesma ocasião, instalará a Pastoral de Acesso à Justiça na diocese e que durante os três dias, o seminário terá na sua programação mesas-redondas sobre o que é segurança pública, o papel da juventude nesse segmento social, além de discussões sobre comunicação, educação e violência contra as mulheres, idosos, crianças e adolescentes. “As mesas-redondas serão compostas por representantes da Igreja Católica, Tribunal de Justiça da Paraíba, Polícia Civil, Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), bem como da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), da Prefeitura Municipal de Campina Grande e da Câmara de Vereadores do município”, relata Apolinário.

Aquele assessor lembrou que o acesso ao auditório da FIEP será gratuito e que o evento será encerrado com uma Caminhada pela Paz, a partir das 16h, saindo do pátio da Catedral de Nossa Senhora da Conceição em direção à Praça da Bandeira, onde haverá um encontro entre os participantes da caminhada e os violeiros que estarão se apresentando na 3ª edição do festival “Repente pra Gente”, dentro das programações do aniversário de Campina Grande. “De acordo com o Padre Márcio Henrique Mendes Fernandes, vigário-geral da Diocese, o seminário pretende suscitar na sociedade o debate sobre a segurança pública e contribuir para a promoção da cultura de paz”, acrescenta.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top