Governo paraibano e Asplan trazem inovações tecnológicas para setor canavieiro

Buscar novas tecnologias aplicáveis à cultura canavieira paraibana. Foi com esse objetivo que a diretoria da Associação dos Plantadores de Cana do Estado da Paraíba (Asplan-PB) e o secretário-executivo da Agropecuária do Governo do Estado, José Inácio de Morais, estiveram durante a semana passada (de 02 a 05 maio), em São Paulo.

A justificativa é da assessora de comunicação da Asplan, News Comunicação, justificando que na oportunidade, a comitiva participou da “Agrishow Ribeirão Preto 2007”, uma das maiores feiras de máquinas e implementos agrícolas do país, conheceram dois projetos de irrigação por gotejamento, desenvolvidos no município de Barra Bonita, localizado na região canavieira de São Paulo, além do Centro de Tecnologia da Cana (CTC), localizado em Piracicaba. “Para o presidente da Asplan-PB, Raimundo Nonato Siqueira, a viagem a São Paulo foi bastante proveitosa e através da visita aos projetos de irrigação pôde-se comprovar de perto a eficácia da nova tecnologia da fertiquimirrigação subterrânea por gotejamento, a qual já tinha sido apresenta para o segmento produtor em uma palestra realizada, recentemente, no auditório da Asplan-PB”, relata News, acreditando tratar-se de uma alternativa viável e importante para o crescimento da produtividade canavieira no Estado, especialmente neste momento de ascensão do etanol.

News informou que durante a viagem, Nonato manteve contato com o secretário de Agricultura do Estado de São Paulo, João de Almeida Sampaio Filho, e ficou acertado que o Governador Cássio Cunha Lima viabilizará, em breve, junto ao Governo de São Paulo, uma nova parceria através do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IEC), que contemplará além do cultivo de cana-de-açúcar, várias outras culturas e também a pecuária paraibana.

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top