Petrolina sedia I Seminário de Agricultura Orgânica do Vale do São Francisco

A cidade de Petrolina, Sertão pernambucano, sediará o I Seminário de Agricultura Orgânica do Vale do São Francisco, evento que acontecerá de 01 a 03 de abril, no auditório do SENAI, em Petrolina-PE e será promovido pela Embrapa Semi-Árido e pelo Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias de Pernambuco – CIN/FIEPE, com o apoio do SEBRAE, UNIVASF, SENAI, CODEVASF, Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco – AD-Diper, Embrapa, Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento e Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial – ABDI.

Segundo o assessor de comunicação daquela unidade promotora, Marcelino Ribeiro, o evento faz parte das atividades do projeto “O uso sustentável da biodiversidade como diferencial na estratégia de internacionalização de micro e pequenas empresas”, financiado com recursos da União Européia, para o desenvolvimento da fruticultura orgânica no Vale do São Francisco.

Marcelino informou que para o coordenador do evento e pesquisador da Embrapa Semiárido, Carlos Gava, o projeto busca estimular a produção, também orgânica, de Aloe vera, conhecida popularmente como babosa, e que tem uso crescente na indústria mundial de cosméticos e de alimentos.

Ribeiro que os pesquisadores daquela unidade da Embrapa são da opinião de que a produção de alimentos orgânicos é uma opção para que agricultores e empresas tenham acesso a um mercado em contínua expansão e contribuam para a redução de problemas ambientais como a perda de fertilidade do solo e o excessivo uso de insumos sintéticos.

Ao contatar com Stúdio Rural, Ribeiro justificou que a programação técnica vai reunir produtores, pesquisadores e profissionais do Brasil e da Europa vinculados à cadeia produtiva de frutas e hortaliças orgânicas, esclarecendo que parte dela será destinada à apresentação de informações técnicas sobre manejo do solo, sistemas orgânicos de produção no Vale do São Francisco (cebola, manga, melão e banana), e controle de pragas e doenças. “Outra parte irá debater questões como a certificação e a comercialização de produtos orgânicos”, complementa.

Para finalizar, Ribeiro lembrou que o evento tem vagas limitadas e as inscrições serão realizadas com a ficha em anexo, também disponível no site da Embrapa Semi-Árido, que a taxa será de R$ 30,00 a ser paga por meio de depósito no Banco do Brasil, conta corrente 60868-8, agência 0963-6, que o comprovante de depósito e a ficha de inscrição deverão ser enviados à Embrapa Semi-Árido para o email [email protected] ou fax (87)3861-4947, aos cuidados de Mariléa Rodrigues e que maiores informações estão disponíveis no site da Embrapa Semi-Árido (http://www.cpatsa.embrapa.br/), ou no Escritório de Apoio da Embrapa, localizado no Centro de Convenções de Petrolina ou pelo telefone (87)_3861_4442.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top