Programa ganha ônibus dotado de tecnologias para documentação da mulher trabalhadora rural

O Programa Nacional de Documentação da Mulher Trabalhadora no Estado da Paraíba foi contemplado na última quarta-feira(26/08) com a entrega e inauguração do Ônibus Expresso Cidadã que a partir de então passa a prestar, de forma mais eficiente, serviços no processo de documentação da mulher trabalhadora rural em todo o estado. O evento de inauguração aconteceu no Assentamento Fazenda Santa Tereza, município de Soledade, contou com a participação de Stúdio Rural que evidenciou a importância do equipamento no processo de documentação e ao mesmo entrevistando agricultoras, representações da mulher paraibana e nacional, representação do Incra-PB, MDA, executivos municipais dentre outras.

“Isso é a diferença que faz a gente fazer parte de um governo popular, um governo dos trabalhadores que tem como meta você colocar suas bandeiras dos movimentos sociais e coloca como meta de trabalho, porque o que a gente está vendo hoje aqui com esse ônibus cidadã tirando o documento das mulheres no interior que é o que faz as mulheres existirem porque você não tendo o documento você não existe sociamente, então as mulheres antigamente elas não podiam se aposentar porque elas não tinham identidade, o marido trabalhava e a mulher e os filhos faziam o trabalho do marido e elas não existiam não podendo se aposentar e trabalhavam tanto quanto os seus companheiros”, ilustra a representante do Programa de Políticas Públicas para as mulheres no Estado da Paraíba, Soraya Cordeiro.

“Eu acho que é um instrumento muito importante que vem atender a toda uma demanda rural e principalmente das trabalhadoras rurais porque é um segmento quase não é atendido por uma série de limitações”, relata o vice-prefeito da cidade de Soledade, José Bento Leite, justificando que a cidade de Soledade já fez um trabalho de documentação a dois anos passados e sente-se honrada em fazer o lançamento deste ônibus ara o estado em mias uma prestação de serviços de documentação para a mulher trabalhadora daquele município caririzeiro Oriental.

“Nós já temos 13 estados brasileiros que já receberam essa unidade móvel que é um veículo equipado com computadores, impressoras com acesso a internet via satélite que possibilita a emissão de documentos em curto espaço de tempo então esse ônibus gerador de energia, ele possui TV com DVD onde as pessoas podem estar assistindo vídeos sobre as políticas públicas enquanto aguardam o atendimento e nós temos 13 veículos que já foram entregues em estados brasileiros e até o final do ano nós teremos mais 9 e para o ano que vem nós teremos mais uma remessa”, relata a coordenadora nacional do Programa de Promoção de da Igualdade de Gêneros, Raça e Etnia, Elisabete Basanello.

“Vai economizar recurso, vai economizar força de trabalho onde as pessoas vão ter muito mais condições de trabalhar com dignidade, chegando em determinados municípios onde as estruturas são mínimas então tem um veículo como esse Expresso Cidadã que vai ajudar demais essas pessoas a terem um trabalho mais eficiente no município e vai agilizar também a entrega do documento para as Pessoas”, explica o superintendente do Incra Paraíba, frei Anastácio, sensibilizando para que percebem as mudanças proporcionadas em sua volta e tenham cada vez mais esperança na organização enquanto espaço de conquistas. “O homem e a mulher tem que dotar-se de muita esperança, nunca fraquejar diante das dificuldades, a gente precisa está sempre sendo teimoso, nós precisamos cada vez mais está vivendo a teimosia, seja nos movimentos sociais, seja nos órgãos em que nós ocupamos, seja na sociedade civil como um todo nós precisamos levar a confiança e principalmente para a juventude”.

“As ações do Governo Lula voltadas para a agricultura familiar e aí agora os movimentos sociais, no caso em especial o da mulher surtiu efeito a nível nacional, o presidente Lula tem essa vocação com aqueles mais pobres, os mais necessitados, aquele histórico de vida que Lula representa, e a trabalhadora rural assim como a mulher em si que foi ganhando espaço enfim, a trabalhadora rural vem ganhando também e teve a sensibilidade do Governo Lula de puder através dos ministérios, do Incra fazer com que um empreendimento dessa natureza que é uma glória para a mulher trabalhadora onde ter um ônibus desse que atende na retirada de documentos e na assistência a mulher trabalhadora rural é fundamental porque eu poderia dizer aqui resumidamente que isso é o resgate da cidadania”, explica o prefeito da cidade de Soledade, Ivanildo Gouveia, ao contar com Stúdio Rural.

“A agricultura familiar abre, no governo federal, um espaço para a mulher trabalhadora rural a partir do entendimento de que a mulher não é simples coadjuvante no processo da agricultura familiar, mas ela é parte integrante, é sujeita desse processo também, neste sentido é que o governo federal através do desenvolvimento agrário e de outras secretarias de ministérios busca desenvolver políticas que possam cada dia mais fazer com que a mulher possa acessar esses direitos e acessar políticas públicas, e a entrega do Expresso Cidadã no município de Soledade, no projeto de Assentamento Santa Tereza exatamente expressa esse momento de conquistas da mulher, fruto de lutas dos movimentos sociais, do movimento de mulheres é que esse ônibus chamado de Expresso Cidadã representa a chegada instantânea e imediata do programa de documentações que garanta acesso de políticas públicas”, participa o delegado federal do desenvolvimento agrário do Estado da Paraíba Marenilson Batista da Silva.

O Expresso Cidadã tem cumprimento de 12 metros, custou ao estado brasileiro R$ 513 mil e vem equipado com internet via satélite, dois geradores de energia elétrica, ar condicionado, equipamento de informática, serviço de som, sanitário a vácuo, cadeiras e mesas plásticas, além de aparelho de TV que será usado em todos os mutirões do programa de documentação.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top