Representações paraibanas criam comissão dos CMDRS e já iniciam ações reivindicatórias

Representações do mundo rural paraibano inovam com a criação da comissão dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável(CMDRS) do Estado da Paraíba que objetiva lutar e fortalecer o desenvolvimento do campesinato paraibano.

Eleito presidente do novo coletivo, Masinho José Monteiro, do município de Cachoeira dos Índios, participou do Notícias Agrícolas na última terça-feira(31) detalhando a importância da nova agremiação política. “A gente criou essa comissão para que a gente pudesse alavancar mais demandas para os municípios e também em prol daqueles agricultores e agricultoras que fazem parte do nosso estado da Paraíba”, explica aquela liderança.

Como parte das ações empreendidas pelo novo coletivo, foi enviado à Câmara dos Deputados, em Brasília, via Núcleo Agrário do PT, para que seja apresentado Emendas a Lei nº 10.420/2002, que cria o Fundo Garantia-safra e institui o Benefício Garantia-safra.

O documento reivindica a incorporação do aumento do percentual do dos laudos de verificação de perca do Garantia-safra, de 30% para 50% aos beneficiários; alteração no período das inscrições, homologação e laudos dos agricultores familiares, para o ano da safra vigente, sempre obedecendo ao período da safra sazonal de cada região abrangente ao Programa Garantia-safra; e, tamém, que seja aceito inclusivamente os laudos efetuados pelo técnico agrícola do município, ou contratado pela gestão municipal, e ratificado pelo CMDRS. Masinho garante que a luta continua. “Nessa comissão primeiro a gente discute junto o que vamos fazer, depois de discutido a gente passa para o grupão onde temos mais de 130 CMDRS e daí a gente volta para a comissão para enviar para os órgãos de competentes”, explica ao dialogar com o público ouvinte Stúdio Rural.   

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural /

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top