Seminário do Polo sobre boas práticas do beneficiamento do leite é destaque nos programas de Stúdio Rural

Agricultoras familiares do Polo Borborema, componentes da Comissão de Saúde e Alimentação da Associação EcoBorborema, participaram do 5º Seminário Regional de Beneficiamento de Produtos da Agricultura Familiar acontecido nos dias 26 e 27 de agosto último na cidade de Arara, Curimataú paraibano, e foi destaque no Programa Esperança no Campo e Programa Domingo Rural a partir de entrevista com a agricultora Joelma Pereira de Sousa, residente no Sítio Serra, município Arara. “Nosso encontro nesses dois dias lá em Santa Fé foi muito importante para nós mulheres, nós aprendemos sobre os derivados, sobre o que podemos fazer com o leite, eu por exemplo já faço manteiga, queijo, biscoito de nata, bolo de nata, beiju passado na pedra, beiju de forno, pé moleque na palha da bananeira, faço a tapioca de forno, bolo de macaxeira e também raspo a mandioca em casa já que aqui a gente tem uma mini casa de farinha onde a gente faz tudo isso aqui em casa, eu junto com meu esposo, meu filho, minha nora e essa reunião foi muito importante porque eu aprendi sobre como é que faz quando tira a nata do soro que a gente faz o queijo e eu não sabia e dava o soro para os porcos e para os cachorros e agora não, agora aproveito para tirar a nata”, explica dizendo da importância da participação de uma professora da Universidade Federal da Paraíba.  

Conforme a assessoria da promotora da ação, AS-PTA Agricultura Familiar e Agroecologia, o evento contabilizou cerca de 60 mulheres experimentadoras, contou com capacitação da professora Márcia Targino de Oliveira, do Laboratório de alimentos do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba, Campus Areia e de assessoras técnicas daquela ONG o que fez com que importantes conhecimentos fossem compartilhados. “A especialista tratou sobre os cuidados necessários desde a ordenha do leite e seus tipos (manual e mecânica), a vestimenta do ordenhador, a higiene correta das mãos, do local e dos utensílios passando pela coagem do leite até o seu preparo final”, explica aquela assessoria. Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Faça um comentário

Todos os campos obrigatórios são marcados como (requerida). Seu Endereço de e-mail não será publicado

Voltar para o topo