CredAmigo Cresce 40% nos últimos 12 meses

O Crediamigo do Banco do Nordeste (BNB), maior programa de microcrédito produtivo orientado da América do Sul em número de clientes, injetou R$ 700 milhões na economia informal nos últimos 12 meses.Segundo a assessora de comunicação do BNB, Lílian Lopes Pedreira Ribeiro, nesse período, o Crediamigo elevou sua carteira ativa em 40%, e realizou 729 mil operações de microcrédito, com atuais 280 mil clientes ativos.Ao contatar com Stúdio Rural, ela informou que o Programa está prestes a completar dez anos e já contratou mais de 3,7 milhões de operações, desembolsando mais de R$ 3,2 bilhões. “Desse montante, 78% foi contratado a partir de 2003, sendo um dos pilares do Governo Federal e da atual gestão do Banco do Nordeste. Atualmente, o Programa possui uma carteira ativa no valor de R$ 201,5 milhões”, argumenta Lílian, exemplificando a Paraíba onde, segundo ela, o Crediamigo contratou 61 mil operações nos últimos 12 meses, o que representa desembolsos da ordem de R$ 54,1 milhões.Lílian Ribeiro informou que desde maio último, o Programa passou a operar com juros mais baixos, argumentando que a principal mudança ocorreu nos empréstimos para capital de giro acima de R$ 1 mil, ofertados pelos produtos Giro Solidário e Giro Individual. “!Nestes casos, houve redução da taxa efetiva de 4% para 3% a.m, com bônus adicional por experiência positiva. Dessa forma, os juros diminuem gradativamente à medida que o cliente contrata novas operações, podendo chegar a 2%, para os clientes com mais de 13 empréstimos. Nos empréstimos abaixo de R$ 1 mil, a taxa é ainda menor, de 1,95% a.m”, relata.Fonte : Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top