Domingo Rural e Esperança no Campo evidenciam dia de campo da caprinocultura em Cabaceiras

SR261218fAções e tecnologias trabalhadas na cadeia produtiva do município de Cabaceiras e região foram temas trabalhados no Programa Domingo Rural e Programa Esperança no Campo deste final de semana tomando como referência um dia de campo realizado na última terça-feira(11), no Assentamento Serra do Monte de Cabaceiras, numa ação do governo do estado via Procase e IDS em parceria com entidades diversas e que contou com famílias beneficiárias de comunidades de municípios da região.

Manejo Sanitário, Reprodutivo e Alimentar foram temas trabalhados em estações além da além dos conhecimentos sobre a Homeopatia para Microplasmose num processo de compartilhamento de conhecimentos compartilhados por palestrantes da UFCG, Insa, dentre outras. “Você sabe que nós temos uma parceria com Procase e IDS, dentre outros parceiros, então a gente, em reunião em todas as comunidades beneficiadas pelo Procase em outros municípios, decidiu realizar esse dia de campo aqui em Cabaceiras”, explica o agricultor pecuarista Jerônimo Sampaio de Araújo, residente naquele assentamento da reforma agrária, garantindo que as famílias vêm numa longa trajetória de capacitações junto a um conjunto de entidades parceiras para o fortalecimento das famílias camponesas. “Eu quero aqui agradecer o apoio que a gente teve da Coonap, com seu Jonas que trabalhou muito bem com a gente aqui e deixou uma lacuna muito grande, mas graças a Deus chegou o Procase e a gente continuou a batalha”, explica Jerônimo ao dialogar com nossa equipe Stúdio Rural.

“Nós falamos um pouco sobre a palma, o plantio da palma, a importância da palma para as épocas de estiagem, sobre as técnicas de cultivo, as variedades resistentes que apareceram com o surgimento da praga da cochonilha do carmim que dizimou a palma gigante que era plantada antigamente, mostramos como ocorreu o surgimento dela e o que veio com o surgimento dela. Mostramos a palma como uma visão mais de cultura que requer tratos culturais de adubação, de limpa, de busca pelo espaçamento com maior produtividade, melhor aproveitamento da área, uso de adubação que seja orgânica já que a maioria dos produtores de caprinos tem a partir de sua criação e pode levar até o campo para a adubação orgânica na busca de maior produtividade”, explica o pesquisador do Insa e palestrante Elder Cunha de Lira, ao iniciar entrevista juto a nosso público ouvinte.

“Nossa avaliação é positiva diante de nosso objetivo de capacitar os beneficiários da região do Cariri Oriental e que ao final desse evento esse objetivo foi atendido, foi alcançado”, explica a palestrante no evento, veterinária Juscileide Barbosa Borborema. “Na verdade nós realizamos dois dias de campo: um no dia 04 de dezembro, em Gurjão, esse dia de campo abrangeu Soledade, Gurjão e Santo André; no segundo dia de campo que foi realizado no Assentamento Serra do Monte, dia 11 em Cabaceiras, a gente conseguiu reunir as pessoas de Barra de São Miguel, Caraúbas, São Domingos do Cariri, Boqueirão, Caturité, Riacho de Santo Antônio e as comunidades de Cabaceiras”, explica em entrevista.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Faça um comentário

Todos os campos obrigatórios são marcados como (requerida). Seu Endereço de e-mail não será publicado

Voltar para o topo