Rodada de negociação do dissídio dos canavieiros não chega a consenso

Na primeira rodada de negociação do dissídio coletivo 2007 dos trabalhadores da lavoura canavieira da Paraíba, realizada na última terça-feira(28), na sede da DRT-PB, não houve entendimento entre patrões e empregados. O encontro foi mediado pelo diretor da Divisão de Relação do Trabalho da DRT-PB, Jorge Pereira e uma nova rodada de negociação foi marcada para o dia 04 de setembro, às 14h00, novamente na Delegacia Regional do Trabalho. Segundo a assessora de imprensa da Asplan, Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba, News Comunicação, de acordo com a pauta de reivindicação, os trabalhadores do setor pleiteiam um novo piso salarial de R$ 450,00 e uma antecipação no salário mínimo de 15%, lembrando que o atual salário da categoria obreira é de R$ 385,50, cuja data-base é 1º de setembro e que o salário dos trabalhadores do setor canavieiro é definido por convenção coletiva e o regime semanal de trabalho é de 44 horas. “Conforme o vice-presidente da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan-PB), Oscar Gouvêa, apesar do grande impulso que teve o setor sucroalcooleiro, no Brasil, ainda é critica a situação do fornecedor de cana”, justifica.Ao contatar com Stúdio, News adiantou que a reunião na DRT contou ainda com a presença do presidente do Sindicato da Indústria de Fabricação do Álcool do Estado (Sindálcool), Edmundo Barbosa, de Liberalino Ferreira de Lucena, da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado da Paraíba (Fetag-PB), do vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa), Vanildo Pereira, além de representantes de usinas e trabalhadores da lavoura canavieira de vários municípios da Paraíba. Fonte : Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top