Cabaceiras terá Feira Agroecológica com a diversidade da agricultura familiar

A cidade de Cabaceiras, no Cariri paraibano terá sua feira agroecológica com a utilização da diversidade produzida na agricultura familiar que vai dos produtos hortifrutigranjeiros aos tradicionais produtos artesanais desenvolvidos em todo aquele município.

A informação foi compartilhada com Stúdio Rural pelo representante do executivo local e articulado do Território de Desenvolvimento Rural do Cariri Oriental, Carlos José Duarte Pereira(foto), em entrevista concedida neste final de semana, relatando que no último dia 18 e 19 já foi realizada a “Oficina Territorial de Empreendedorismo nas feiras agroecológicas do Cariri Oriental” no Centro Social Liêta Farias, e que objetou orientar os produtores locais a cerca das dinâmicas desenvolvidas nos trabalhos das feiras agroecológicas já em funcionamento em toda a Paraíba e planejar o modelo a ser desenvolvido naquela cidade.

Duarte Pereira disse que compareceram cerca de 30 agricultores que já trabalham dentro das dinâmicas utilizadas pelas entidades locais no sistema de produção agroecológico, agricultores inscritos no PAIS, Programa Agroecológico Integrado e Sustentável, do FISP, PDHC e sistema Mandala, dentre outros agricultores não vinculados nestes programas. “Os próprios agricultores sentiram essa necessidade e nós da Secretaria de Agricultura dentro do Fórum discutimos que esses agricultores seriam referência, e como ser referência sem um espaço próprio? Então seria um espaço diferente”, style=mso-spacerun: yes>  comemora a liderança, informando que o planejamento é para iniciar as atividades no início do próximo ano.

Ao dialogar com Stúdio Rural, Duarte disse que será uma feira diversificada em produtos já que o município trabalha ampla linha de produtos vegetais e animais, tem a tradição produtiva do alho e seus produtos e é referência no trabalho com artesanato que envolve elevado número de famílias em toda a municipalidade. “Na feira nós vamos também colocar o produto do artesanato de Cabaceiras, o couro que também trabalha nesta perspectiva já que o couro de Cabaceiras é trabalhado com produtos naturais, nós vamos ter artesanato de madeira também, nós vamos ter a fabricação de doces das frutas de Cabaceiras e vamos ter as hortaliças e a carne caprina também e esses 30 agricultores são pessoas que já vêm trabalhando”, argumenta Carlos, dizendo acreditar que um espaço ecológico direcionará o produto para local próprio de agregação de valor a produção de qualidade sócio-ambiental.

Aquela liderança lembrou que todas as ações são do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Secretaria de Desenvolvimento Agrário em parceria com entidades que atuam na região, acrescentando que uma comissão foi organizada para negociar e planejar com a prefeitura local e que em breve a feira estará em funcionamento ofertando produtos de qualidade aos consumidores daquela cidade, especialmente aos bares e restaurantes que lidam diretamente com o turista que procura o município em eventos e diversas épocas do ano.

Para o bom desenvolvimento da feira agroecológica, Duarte informou que a Secretaria Municipal de Ação Rural de Cabaceiras e a Coopagel ficarão responsáveis em fazer o cadastro dos agricultores participantes já que dentro do município são muitas famílias que trabalham na dinâmica sustentável das entidades atuantes em toda a localidade.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top