Delegado do MDA fala sobre novos pontos do Plano Safra 2009/10 na Paraíba

“Nós estivemos em Brasília para o lançamento do plano safra e a cada dia a agricultura familiar recebe mais incentivo e continua nessa caminhada, o presidente Lula foi muito claro: nós estamos ofertando mas vocês peçam mais porque nós precisamos avançar mais já que a dívida histórica com a agricultura familiar é de muito tempo. Por isso é que neste plano safra nós podemos destacar quatro pontos importantes : primeiro ponto, novamente a elevação do crédito partindo em torno de dois milhões de reais e estamos há quinze, mais de 500% de aumento em relação ao governo anterior; nós podemos destacar também hoje 30% da merenda escolar ser da agricultura familiar e isso é um avanço considerável; outro ponto que podemos destacar é a questão da lei de ATER, ou seja, a partir de agora começa a tramitar no Congresso em regime de urgência a lei nacional de ATRE que garante mais mobilidade para que essa assistência técnica possa chegar mais próximo da agricultura familiar. Também foi criado o selo da agricultura familiar, os produtos da agricultura familiar quando chegar nos supermercados, nas prateleiras da bodega ou do mercadinho vai ter lá o selo dizendo que veio da agricultura familiar e isso vai ser um diferencial muito grande, e sem contar essa questão do avanço com relação ao mais alimentos, antes podia só podia comprar trator, agora a gente pode comprar trator, comprar carros utilitários, rendas que tiveram algumas mudanças e são essas mudanças exatamente que se aproximam cada vez mais da realidade da população”.

A afirmativa é do delegado federal do MDA, Ministério do Desenvolvimento Agrário no Estado da Paraíba, Marenilson Batista da Silva, ao dialogar com os ouvintes da Rede Esperança de Rádios e Programa Domingo Rural em Rede, comentando os pontos positivos apresentados no lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar que aconteceu em Brasília no último dia 22 de julho.

Batista falou sobre os avanços no processo de compra do PAA e garante que passo a passo governo e sociedade vão avançando por uma agricultura familiar mais forte. “Exatamente, esse é o grande desejo do Governo Federal, fazer com que a agricultura familiar possa cada dia mais ser fortalecida, por isso também é importante a participação efetiva das representações da agricultura familiar, das associações e sindicatos no sentido de que haja participação e faça com essas políticas públicas estão para acontecer possam acontecer”.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top