Embrapa apresenta maquetes sobre meio ambiente na ExpoJaguariúna 2008

De 6 a 8 de novembro, no Parque Santa Maria, em Jaguariúna, a ExpoJaguariuna 2008 une empresas nacionais e multinacionais da Região Metropolitana de Campinas, Circuito das Águas Paulista e do Circuito Turístico de Ciência e Tecnologia, nos segmentos de tecnologia, agronegócios, turismo, meio ambiente e responsabilidade social, funcionando assim como uma grande vitrine das potencialidades da Região.

A informação foi repassada pela assessora de comunicação da Embrapa Meio Ambiente, Cristina Tordin, justificando que algumas tecnologias da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP), unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento estarão expostas, além de duas maquetes sobre meio ambiente.

Ao dialogar com Stúdio Rural a jornalista evidenciou um motor multicombustível a ser apresentando no evento, relatando que a máquina apresenta potência inferior aos motores tradicionais que utilizam gasolina, álcool ou diesel, o motor transforma qualquer fonte de calor em trabalho útil, com a vantagem de utilizar qualquer tipo de combustível renovável que gere calor. “De acordo com o pesquisador Aldemir Chaim, idealizador do invento, o motor apresenta várias utilidades para os agricultores, desde carregar pequenas baterias ou qualquer atividade que não necessite de motores muito potentes”, relata Tordin.

Dentre as tecnologias a ser apresentadas no evento, o coletor solar(foto), equipamento que utiliza a energia solar para desinfestar misturas de solo utilizadas em viveiros de plantas para produzir mudas saudáveis, livres de microrganismos prejudiciais ao seu desenvolvimento. Tordin explica que o coletor solar tem funcionamento simples e construção barata e tem por finalidade acabar com os fungos, bactérias e algumas plantas daninhas do solo a ser utilizado para o plantio de mudas. Composto de uma caixa de madeira, com tubos de ferro galvanizado onde o solo é colocado e coberto por um plástico transparente, que permite a entrada dos raios solares e que construir um coletor não é caro nem difícil.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural
Foto: Eliana Lima style=BORDER-RIGHT: medium none X-NONE mso-bidi-language: X-NONE; mso-fareast-language: mso-ansi-language: 0%; mso-font-width: 0cm; black none mso-border-alt: Roman?; New ?Times mso-fareast-font-family: Roman?,?serif?; FONT-FAMILY: 1pt; BORDER-BOTTOM: PADDING-TOP: black; COLOR: line; LAYOUT-GRID-MODE: BORDER-LEFT: PADDING-BOTTOM: BACKGROUND: 0pt; FONT-SIZE: PADDING-LEFT: BORDER-TOP: PADDING-RIGHT:>

Compartilhe se gostou

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top