Agricultura familiar de São João do Cariri é convidada ao isolamento e venda e compra na realidade local

Entidades do urbano e da agricultura familiar do município de São João do Cariri, Cariri Oriental paraibano, vêm fazendo um trabalho permanente de conscientização, através de comunicados via redes sociais e carro de som, no sentido de que as pessoas se mantenham no processo de isolamento social como forma de conter a difusão do novo Covid-19 e ao mesmo tempo fortaleçam o processo de consumo através da compra de alimentos advindos da agricultura familiar do município que tem uma dinâmica de produção em transição agroecológica com venda direta ao consumidor urbano daquela municipalidade.

Luciana Garcia Felipe é presidente do Clube de Mães Inácia Bulcão, componente da gestão pública municipal e explicou ser um trabalho de incentivo e de estímulo psicológico para as pessoas que de costume vivem o contexto social da cidade e que agora são levadas ao processo de confinamento. “Estamos vivendo uma grande crise no mundo inteiro, no Brasil e na nossa Paraíba, com a chegada do coronavírus nossa vida tomou um sentido complicado e é preciso da ajuda de cada um de nós, eu tenho saído nas ruas através do carro de som para levar uma mensagem de conscientização à todos, é certo que muito já foi absorvido, mas ainda falta muita tomada de consciência por parte de cada um de nós”, explica em parte de sua mensagem levada via redes sociais justificando o trabalhando desenvolvido pela gestão pública na busca da segurança da saúde de toda a comunidade.

Ao dialogar com Stúdio Rural, Garcia detalhou o trabalho que vem sendo desenvolvido no sentido de abastecer as famílias com gêneros alimentícios por parte da agricultura familiar municipal e ao mesmo tempo fortalecer a cadeia produtiva local. “A gente está orientando as pessoas a comprarem no comércio local e os agricultores estão abastecendo, a gente tem a agricultura familiar que, graças a Deus, está dando um suporte, a gente está fazendo campanha em carro de som, através de vídeos no facebook, de áudios pelo whatsapp, também usando as páginas do facebook tanto da prefeitura como das igrejas católica e evangélicas e em todos os meios de comunicação a gente está fazendo valer esse apelo”, explica Luciana Garcia.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top