Parceria entre Conab e MDA vende milho a produtores atingidos pela seca no Sul do Brasil

A Conab vai vender 300 mil toneladas de milho para agricultores familiares da região Sul atingidos pela seca, sendo 200 mil t para os produtores gaúchos, 75 mil t para os catarinenses e 25 mil t para os paranaenses.

A informação é do assessor da Conab, Willians Fausto, justificando que a saca de 60 quilos do cereal será negociada por R$ 16,50 e cada produtor poderá comprar até três toneladas com vendas que devem começar em 15 dias.

Segundo Fausto, a medida será realizada por uma parceria entre a estatal e o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) para apoiar pequenos produtores da região, sobretudo bovinocultores de leite, acrescentando que uma das novidades desta operação será um serviço de delivery. “Quando o agricultor comprovar que não dispõe de transporte para levar o milho do armazém até sua propriedade, a entrega será feita pela estatal”, explica, lembrando que para o diretor de Política Agrícola e Informação da Conab, Sílvio Porto a expectativa é garantir que até mesmo as famílias que vivem em regiões isoladas recebam o produto.

Para ter acesso ao cereal, acrescenta aquela assessoria, o produtor precisará apresentar uma Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), documento que identifica a família como beneficiário do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar e informa que cerca de 235 mil toneladas do produto sairão de armazéns da região norte do Mato Grosso, com um custo da remoção de aproximadamente R$ 108 milhões para a Conab e que as 65 mil toneladas restantes já estão disponíveis nos estoques públicos da região Sul.

Aquela assessor informou ainda que para realizar o pagamento do milho os agricultores vão contar com uma linha de crédito emergencial de R$ 258 milhões disponibilizados pelo MDA e que, segundo o Ministério, cada produtor poderá solicitar aos bancos via Pronaf até R$ 1.500, a ser pago em até dois com juros de 0,5% ao ano.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top