Presidente OCB-PB evidencia ações do cooperativismo para superar momento e pós pandemia

Participando do Programa Domingo Rural, o presidente da OCB-PB, Organização das Cooperativas no Estado da Paraíba, André Pacelli Bezerra Viana, fez amplo balanço das ações das entidades cooperativadas, em parceria, durante o primeiro semestre deste ano em todo o estado. “Nós vínhamos numa perspectiva muito favorável, e fomos pegos de surpresa com essa pandemia global que atingiu toda a economia do mundo inteiro e aqui no Brasil e na Paraíba não foi diferente, nós fizemos muitas reuniões virtuais, nossa unidade está fechada por enquanto, mas nós estamos fazendo monitoramento das nossas cooperativas, as capacitações e acompanhamentos das assembleias tudo de forma virtual utilizando essas plataformas que hoje estão plenamente difundidas, de modo que de forma geral temos atendendo as nossas cooperativas que têm feito um trabalho extraordinário”, explica Pacelli ao iniciar amplo diálogo com nosso público ouvinte detalhando importante cooperativa de ramos diversos com ações além de citar importantes parcerias desenvolvidas com órgãos governamentais.

Aquela liderança falou sobre o trabalho de cooperativas durante a pandemia em Campina Grande, Juarez Távora, João Pessoa, Rio Tinto, São Sebastião de Lagoa de Roça dentre outras garantindo que a partir de então as ações já se voltam para estratégias de convivência para com o pós pandemia e assegura que ações de responsabilidade social e Intercooperação serão amplamente trabalhadas. “Temos diversos pleitos junto a Assembleia Legislativa, temos participado de debates na Assembleia com membros do poder executivo para que a Paraíba possa ter uma lei que a gente possa cumprir aquele requisito mínimo de 30% de compra da agricultura familiar, num momento crítico como esse ou de qualquer outro, que Deus nos livre, mas a gente tem que estar preparado e o poder público prefeitura, governo do estado têm que comprar esses produtos da agricultora familiar e principalmente de cooperativas para que incentive o comércio local e que os recursos fiquem na base”, explica Bezerra Viana.

Fonte: Stúdio Rural / Programa Domingo Rural

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados como (obrigatório) devem ser preenchidos.

Newsletter

Através da nossa newsletter você ficar informado, o informativo do estudo rural já conta com mais de 20 mil inscritos, faça parte você também.

Back to Top